Portal da Cidade Cascavel

AUTOMOBILISMO

Cascavel de Ouro terá corrida extra valendo inscrições para edição de 2019

Pilotos não classificados entre as 55 vagas do grid principal participarão da Copa Masso Alimentos na programação preliminar

Postado em 13/09/2018 às 16:01 | Atualizado hoje às 06:57

A Cascavel de Ouro assegura, a mais de dois meses da largada, o recorde histórico no número de carros inscritos (Foto: Sérgio Sanderson/Grelak Comunicação)

A 32ª edição da Cascavel de Ouro, tida por pilotos de todo o Brasil como a principal corrida do automobilismo atual na categoria Marcas 1.6, estabeleceu novos recordes. Com 64 carros e mais de 140 pilotos já inscritos a mais de dois meses da largada, a prova do dia 18 de novembro no Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel, colocará em jogo a inédita premiação de R$ 150 mil para os cinco primeiros colocados e para os pole positions.


O grid da Cascavel de Ouro é limitado a 55 carros. Diante do excedente da lista atual de inscritos e da perspectiva de que novas adesões ocorram nas próximas semanas, a organização do evento anunciou nesta quinta-feira (13) a realização de uma corrida extra horas antes da largada principal. Com duração de 50 minutos, a prova incluirá pit stop para troca de pilotos, na mesma norma das paradas de box que integram o regulamento da corrida principal.


“Existe um excedente de carros em relação ao que podemos admitir na corrida, e ainda assim temos muitos pilotos manifestando interesse em efetuar inscrição no evento”, aponta o piloto Edson Massaro, promotor da Cascavel de Ouro. “Como entusiasta, eu gostaria de ter todos os 65, 70 ou 75 carros no grid da Cascavel de Ouro, mas há regras a cumprir. Os que não estiverem na prova principal terão essa oportunidade, sem qualquer custo extra”, diz.


A prova extra é denominada Copa Masso Alimentos e oferecerá como prêmio aos três primeiros colocados subsídio na inscrição da Cascavel de Ouro de 2019. “Os vencedores dessa corrida terão 100% de isenção na inscrição de seu carro para a corrida do ano que vem. A dupla ou o trio do segundo lugar vai ter isenção de 75% na taxa e, para o terceiro lugar, de 50%, além de troféus para os cinco primeiros colocados”, explica Massaro.


As inscrições oferecidas como premiação aos três primeiros colocados na Copa Masso Alimentos serão intransferíveis. “A ideia principal é que quem estiver conosco neste ano esteja também em 2019. O que pode acontecer, por exemplo, é a dupla vencedora desta prova ser desfeita no ano que vem e cada piloto correr com um parceiro diferente”, supõe Massaro. “Neste caso, cada um levará para o seu novo carro a parte correspondente da isenção da inscrição”.


A ficha de inscrição da 32ª Cascavel de Ouro pode ser solicitada pelo e-mail cascaveldeouro2018@gmail.com ou pelo número celular (45) 9 9937-1052. A disputa é aberta a pilotos inscritos com carros da categoria Marcas 1.6, configurados pelo regulamento do Campeonato Paranaense. A tomada de tempos será feita pela média dos tempos de dois pilotos por carro e a corrida terá duração de três horas, com transmissão ao vivo do canal Bandsports.


O regulamento desportivo da Cascavel de Ouro estipula em R$ 5 mil a taxa de inscrição por carro. Os vencedores da corrida receberão R$ 100 mil. Há prêmios de R$ 20 mil ao segundo lugar, de R$ 12 mil para o terceiro, de R$ 8 mil para o quarto e de R$ 5 mil para o quinto, além de R$ 5 mil pela pole. A programação de novembro em Cascavel incluirá ainda a sétima etapa da Sprint Race Brasil e a primeira edição da #GoldClassic, com 72 carros já inscritos.

Fonte: Grelak Comunicação

Deixe seu comentário