Portal da Cidade Cascavel

tigre hu

MP pede condenação de pai de menino que teve braço amputado por tigre

A pena varia de 2 a 8 anos de prisão.

Postado em 11/01/2019 às 07:19 |

(Foto: Arquivo / Portal da Cidade)

O Ministério Público do Paraná pediu a condenação do pai do adolescente que teve o braço amputado após ser atacado por um tigre em julho de 2014, no zoológico de Cascavel.


Vrajamany Fernandes Rocha, então com 11 anos, passeava com o pai no local. O garoto pulou a grade e invadiu a área que limita o acesso dos visitantes as jaulas. Incentivado pelo pai, ele acariciou e se aproximou de vários felinos. Mas quando tentou interagir com o tigre Hu, o animal respondeu de forma instintiva e pela grade atacou o garoto, agarrando o braço direito do menino.


Vrajamany então foi levado ao HU (Hospital Universitário) onde passou por uma cirurgia emergencial e teve o braço amputado.


A promotora Andrea Simone Frias, responsável pelo caso, pediu a condenação de Marcos Carmo Rocha pelo crime de lesão corporal gravíssima. A pena nestes casos varia de 2 a 8 anos de prisão.

Fonte:

Deixe seu comentário